Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Papa Francisco \ Encontros e Eventos

Papa decide proibir venda de tabaco no Vaticano

Fumo mata mais de 7 milhões de pessoas por ano - REUTERS

09/11/2017 13:26

Cidade do Vaticano (RV) - O Papa Francisco decidiu que a partir de 2018, será proibida a venda de tabaco na Cidade do Vaticano. “A explicação – segundo o porta-voz da Santa Sé, Greg Burke – é simples: nenhum lucro pode ser legítimo se está custando a vida de pessoas”.

Lembrando que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o tabaco causa de mais de sete milhões de mortes ao ano no mundo, o porta-voz anunciou que “a Santa Sé não pode cooperar com uma prática que prejudica claramente a saúde das pessoas”.

Até agora, os funcionários e aposentados do Vaticano podiam comprar cigarros, charutos e tabaco com desconto no supermercado que se encontra no Estado pontifício, o que representa uma fonte de receita para a Santa Sé.

“No entanto, nenhum lucro pode ser legítimo se coloca em risco a vida das pessoas”, completou Greg Burke.

09/11/2017 13:26