Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Igreja \ Igreja no mundo

Sacerdote copta assassinado no Cairo

Cristãos coptas gritan slogans depois do funeral de algumas vítimas de um ataque terrorista contra um ônibus em Minya em maio - AP

12/10/2017 19:38

Cairo (RV) – Um sacerdote copta pertencente a uma Igreja no Governatorato de Beni Suef, Alto Egito, foi morto esta quinta-feira no subúrbio de El-Marg, nordeste do Cairo, segundo o jornal estatal Akhbar Al Youm.

O Padre, Samaan Shehta, estava no Cairo quando um jovem desempregado bloqueou o caminho em frente ao seu veículo, pedindo-lhe que saísse do carro. Ele então foi atingido na cabeça com uma faca, relatou um jornalista local ao “Egypt Independent”, sob condição de anonimato.

"Acredita-se que seja um crime de ódio executado por um extremista afiliado ao EI ou ao salafismo", explicou.

A Igreja Copta egípcia divulgou uma declaração afirmando que a morte do Padre Samaan Shehta ocorreu perto da cidade de El-salam enquanto ele estava com outro Padre, Benjamin Moftah, que também foi agredido. A declaração não deu maiores detalhes sobre o segundo sacerdote.

O jornal estatal informou ainda que o agressor foi preso e atualmente está sendo investigado para verificar os motivos de seu ataque.

O sacerdote Samaan estava no Cairo para participar de uma conferência para a qual havia sido convidado por uma igreja copta no subúrbio do Cairo, Dar al-Salam, perto de El-Marg, onde ocorreu o incidente.

(JE com informações de 'Egypt Independent')

12/10/2017 19:38