Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Igreja \ Igreja no mundo

Terra Santa: vandalizada a igreja de Santo Estevão em Jerusalém

Igreja de Santo Estêvão - RV

23/09/2017 10:14

Jerusalém (RV) – No último dia 20 de setembro, vândalos entraram sem serem vistos e profanaram a igreja de Santo Estêvão, perto da casa salesiana de Beit  Gemal, na área oeste de Jerusalém. Os autores destruíram uma estátua de Nossa Senhora e vitrais que reproduziam momentos importantes da vida de Jesus. É o que informa o Patriarcado latino de Jerusalém e também um artigo publicado no jornal vaticano L’Osservatore Romano.

Dom Jacinto Boulos Marcuzzo, Vigário patriarcal para Jerusalém e a Palestina, visitando a igreja, declarou que “não se trata só de um ato de vandalismo, mas também de uma ação contra o caráter sagrado dos lugares santos e da fé do povo. A Terra Santa é um lugar que se beneficia de uma fé profunda e de uma riqueza cultural. Devemos viver juntos na diversidade da fé. É indispensável aceitar os outros e aceitar-se reciprocamente na nossa diversidade”.

Para o Vigário patriarcal o fato “se insere na série de episódios já verificados nos últimos tempos. Pode ser obra de extremistas hebraicos, mas não há provas conclusivas. Mas a matriz é a que se esconde por trás dos ataques a Tagba ou a outros prédios cristãos da Terra Santa”.

Por sua vez a Assembleia dos Bispos católicos da Terra Santa, através de seu porta-voz Wadie Abunassar publicou uma nota: “É com dor e indignação que continuamos a denunciar fatos semelhantes que se repetem; ao mesmo tempo não vemos nem segurança nem tratamento educativo por parte do Estado contra este fenômeno perigoso”. (SP) 

23/09/2017 10:14