Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Atualidade \ Geral

Cardeal indiano Oswald Gracias: apelo a uma conversão ecológica

1º de setembro, Dia de oração pelo cuidado da Criação

01/09/2017 16:52

Mumbai (RV) - Unir-se ao Papa Francisco “neste dia de oração, e desse modo podemos tornar-nos conscientes da nossa vocação cristã de ser custódios da criação de Deus”: esse é o convite do arcebispo de Mumbai (ex-Bombaim), na Índia, Cardeal Oswald Gracias, em mensagem por ocasião do Dia mundial de oração pelo cuidado da Criação, que se celebra este 1º de setembro.

Crise ecológica, apelo a uma profunda conversão interior

Retomando a Carta encíclica “Laudato si” do Papa Francisco, o purpurado ressalta que a atual “crise ecológica é um apelo a uma profunda conversão interior”. “Em meio à presente crise ecológica da mudança climática e do aquecimento global, coloquemos nossa confiança no Senhor que ‘faz novas todas as coisas’.”

Vocação cristã de custódios da criação de Deus

O Papa Francisco declarou 1º de setembro Dia mundial de oração pelo cuidado da Criação. O Santo Padre pediu a todos os católicos que observem esta data como um dia de oração. “Desse modo podemos tornar-nos conscientes da nossa vocação cristã de ser custódios da criação de Deus”, afirma o Cardeal Gracias em sua mensagem.

Em sua encíclica “Laudato si” o Santo Padre nos recorda que “a crise ecológica é um apelo a uma profunda conversão interior. Entretanto temos de reconhecer também que alguns cristãos, até comprometidos e piedosos, com o pretexto do realismo pragmático frequentemente se burlam das preocupações pelo meio ambiente. Outros são passivos, não se decidem a mudar os seus hábitos e tornam-se incoerentes. Falta-lhes, pois, uma conversão ecológica, que comporta deixar emergir, nas relações com o mundo que os rodeia, todas as consequências do encontro com Jesus” (nº 217).

Agradecer a Deus pela abundância das bênçãos recebidas

Por fim, o cardeal indiano recorda que este 1º de setembro é também a primeira sexta-feira do mês. “Podemos estar juntos como família e agradecer a Deus pela abundância das bênçãos que recebemos de nosso Criador”, conclui o purpurado. (RL/AsiaNews)

01/09/2017 16:52