Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Atualidade \ Geral

Card. Turkson: “A Terra é um jardim, não façamos dela um deserto”

Desertificação na África do Sul - AP

25/05/2017 12:35

Roma (RV) – “Na doença e no sofrimento, as Igrejas estão mais próximas (500 depois da reforma de Lutero)” é o título de um Congresso ecumênico no Instituto Camillianum, em Roma.

Na quarta-feira (24/05), participou do evento o Prefeito do Dicastério para o Desenvolvimento Humano Integral, Card. Peter Kodwo Appiah Turkson, que desenvolveu o tema “Proteger a Terra e dar dignidade à humanidade”.

O Cardeal ganense recordou o convite do Papa a sermos custódios do meio ambiente e dos pobres, definidos “duas fragilidades”. “São problemas imperativos: a Terra deve ser protegida, a humanidade e os pobres devem ter dignidade”, disse o Card. Turkson, que falou também do tráfico de seres humanos e das novas formas de escravidão.

Para ele, existe hoje uma “justiça ecológica”. “Os bens da Terra não são destinados a alguns, mas a todos. Este é o princípio de solidariedade.” Falando sobre o desenvolvimento sustentável, o Cardeal recordou que recebemos “a Terra como um jardim, ai de nós se a deixarmos como um deserto”. “Tudo se baseia na moral e na ética, sem uma mudança de coração, também as regras políticas não são eficazes.” 

25/05/2017 12:35