Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Vaticano \ Eventos

Obra de 13 estudiosos homenageia 90 anos de Bento XVI

Bento XVI na abertura da Porta Santa na Basílica de São Pedro - AFP

30/03/2017 17:17

Cidade do Vaticano (RV) – Por ocasião do 90º aniversário do Papa emérito Bento XVI, em 16 de abril próximo, a Fundação Joseph Ratzinger-Bento XVI promove o lançamento do livro “Cooperatores Veritatis. Escritos em honra ao Papa emérito Bento XVI pelo seu 90º aniversário”.

O evento terá lugar no dia 6 de abril, no Instituto Patrístico Augustinianum, de Roma, a partir das 17h30min. Após as saudações do Reitor do Augustinianum, Padre Giuseppe Caruso, e do Diretor da Livraria Editora Vaticana (LEV), Padre Giuseppe Costa, o Presidente da Fundação Ratzinger, Padre Federico Lombardi, apresentará a obra por ele organizada, juntamente com Pier Luca Azzaro.

O livro reúne a contribuição de 13 estudiosos, que desde 2011 até hoje foram agraciados com o Prêmio Ratzinger.

O Presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos e membro da Fundação, Cardeal Kurt Koch, proferirá uma palestra que terá por título “Uma sinfonia de amor e verdade na liberdade. Joseph Ratzinger/Bento XVI, testemunha agradecida da fé pascal”.

O volume celebrativo – uma verdadeira “Festschrift” ("comemoração"), segundo a terminologia acadêmica alemã – “constitui um caminho original para entrar em contato com um grupo internacional de reconhecidos estudiosos, que trataram sobre o pensamento de Joseph Ratzinger”, escreve Padre Lombardi na introdução.

Os autores dos ensaios, provenientes de 11 diferentes países, são o jesuíta brasileiro Mário de França Miranda, o Monsenhor ambrosiano Inos Biffi, o filósofo francês Rémi Brague, o biblista anglicano Richard Burridge, o teólogo polonês Mons. Waldemar Chrostowski, o jesuíta estadunidense Brian E. Daley, o teólogo espanhol Padre Olegario Gonzalez de Cardedal, o Abade cisterciense de Heiligenkreuz na Áustria Maximiliam Heim, o estudioso libanês Nabil el-Khoury, o teólogo greco-ortodoxo Ioannis Kourempeles, a teóloga francesa Anne-Marie Pelletier, o teólogo alemão Christian Schaller e o curador da Opera omnia de Joseph Ratzinger-Bento XVI, o italiano Manlio Simonetti, conhecido expert em Patrística.

(JE/ANSA)

30/03/2017 17:17